• 5 dicas importantes para fazer trabalho em equipe

    Os dias atuais exigem um senso de equipe, de pessoas que se juntam com o propósito de alcançar objetivos individuais, que estejam de acordo com o todo, e gerais. Desde pequenos, na escola, já nos acostumamos a fazer trabalho em equipe, a ajudar os outros e a buscar resultados em conjunto.

    Como grande exemplo disto, são as atividades onde um fica de costas e se joga para trás, esperando com que o outro o segure. Além do trabalho em equipe, aqui trabalhamos a confiança, a responsabilidade e o compromisso em finalizar a tarefa. É necessário o engajamento de ambos para alcançar o resultado esperado.

    Neste artigo você entenderá o sentido do famoso ditado “uma andorinha só não faz verão”. E quais os caminhos para fazer um trabalho em equipe que excedas às expectativas, atraindo bons frutos.

    Grupo x Equipe: por que não são iguais?

    Ainda confundimos muito os termos ‘grupo’ e ‘equipe’. Dessa forma, precisamos entender porque estes são tão diferentes, quais as suas principais características e qual é o melhor para o momento da sua empresa

    O grupo é constituído em torno de um objetivo em comum, uma ação ou algum projeto a ser realizado. Ou seja, a entrega deve ser em conjunto, mas os valores devem ser  individualizados, assim como a prestação de contas aos participantes do grupo ou aos superiores.

    Já a equipe tem objetivos em comum e que são compartilhados a todo momento entre seus membros. A liderança é presente e ativa, e os seus integrantes se colocam em cada tarefa de acordo com suas habilidades e seu desempenho. Assim, toda a responsabilidade e os resultados entregues são compartilhados.

    Ou seja, a equipe, pela maneira como é formada e liderada, tem tendências de obter mais sucesso em suas ações, uma vez que traça o caminho da diferenciação. Por isso, deixamos abaixo um quadro explicando quando um grupo se torna uma equipe.

    trabalho em equipe

    As equipes de alta performance

    As equipes de alta performance, que excedem às expectativas e entregam resultados impressionantes trabalham com 3 elementos essenciais para produzir resultados além do esperado:

    1. Liderança única: é aquela pessoa que participa, incentiva e inspira pessoas e o trabalho em equipe;
    2. Autogerenciamento: os membros da equipe têm responsabilidades individuais e total autonomia para gerenciar suas atividades e planejar suas ações;
    3. Comunicação assertiva: tudo que se fala é alinhado. Todos participam da comunicação, evitando confusões e desentendimentos desnecessários.

    Além disso, dentro desta disciplina da equipe, deve haver responsabilidades mútuas e individuais. Ou seja, trabalhar com metas coletivas e habilidades integradas é a chave para transcenderem as expectativas.

    No quadro abaixo deixamos o conceito de EMART (SMART em inglês), muito utilizado para definir metas, que possui os fundamentos da verdadeira equipe:

    trabalho em equipe

    O trabalho em equipe com o sucesso esperado!

    Afinal, como nós já sabemos, nem todas as equipes atingem o sucesso desejado. São muitas variáveis das que dependemos: planejamento, engajamento, harmonia entre as pessoas, lideranças, metas, entre outros. Precisamos que todos estejam de acordo com o trabalho exercido.

    E, para que o seu trabalho em equipe alcance a alta performance e conquiste bons frutos, te damos 5 dicas importantíssimas abaixo:

    1. Comunique-se claramente:

    Grande parte da interpretação do outro está ligada à forma com que você diz as coisas, como planeja ações e delega as tarefas a serem feitas por cada membro da equipe. Portanto, esteja sempre alinhado com o seu interlocutor.

    1. Conheça sua equipe:

    Entenda qual é a função de cada um, para quem você pode recorrer caso haja algum problema e quais habilidades são essenciais no desempenho de cada tarefa, que levarão ao cumprimento da meta e dos objetivos.

    1. Seja paciente no trabalho em equipe:

    Nada acontece de um dia para o outro, todo trabalho demanda tempo para atingir bons resultados. É importante entender a complexidade das tarefas e seguir o cronograma, pois algumas demandarão mais processos e o envolvimento de outras pessoas. Além disso, cada um de nós tem seu próprio ritmo, dependendo da atividade delegada e de suas habilidades gerenciais.

    1. Saiba lidar com os problemas:

    Uma coisa de que sempre temos certeza é que algo pode dar errado. E, para isto, já montamos o famoso “plano B”. Porém, também devemos trabalhar nossas reações diante disto, com as perguntas: Quem da equipe pode me ajudar? Em quanto tempo? Consigo esperar? Se todos ajudarem, será melhor e mais rápido? Ainda mais que, por uma equipe ser formada de diferentes pessoas, estas podem entrar em conflito. Assim, todos devem estar preparados para lidar com este problema também. Escolher um intermediador é sempre válido.

    1. Eleja uma liderança eficaz:

    Afinal, o líder ajuda na moldagem de objetivos e estratégias. Além de criar um ambiente agradável e que busque o desenvolvimento de pessoas. Ele é responsável também por dar feedbacks constantemente (o que guia a equipe a saber se está no caminho certo) e incentivar a produtividade. Ações como estimular as novas ideias, incentivar a evolução e trabalhar habilidade x desempenho estão dentro de suas responsabilidades.

    Como disse Ayrton Senna uma vez:

    Eu sou parte de uma equipe. Então, quando venço, não sou eu apenas quem vence. De certa forma termino o trabalho de um grupo enorme de pessoas!”

    É isso mesmo! Quando trabalhamos em equipe, estamos todos vencendo quando entregamos o que foi prometido.

    E você, sabe nos dizer como anda o trabalho em equipe na sua empresa? Contate-nos para saber sobre os nossos treinamentos!

    E não esqueça de se cadastrar ao lado para receber nossos artigos semanais!

    Para mais informações sobre nós, acesse: qualylife.com.br

    Compartilhe em suas redes!

    Deixe uma resposta