Skip to main content

11 sinais de que você é um líder nato

Confira as características que traduzem o potencial de uma pessoa para liderar equipes, de acordo com três especialistas consultados.

Algumas características comportamentais surgem desde cedo e são fortes indicativos do que está por vir na carreira profissional.  É o caso da tendência à liderança. Ela pode despontar até mesmo na primeira década de vida de uma pessoa, entre brincadeiras de roda e outras atividades : dicas comuns na infância. É certo que são competências que podem ser aprendidas e desenvolvidas, mas é também correto afirmar, segundo três especialistas consultados, que algumas pessoas têm essa vocação inata o que, apesar de não ser uma certeza, pode, sim, encurtar o caminho até um cargo de gestão. “Tem gente que tem vocação, mas não tem motivação, então não desenvolve e tem gente que não tem vocação, mas tem persistência e determinação e desenvolve as habilidades”, diz a consultora de carreira Márcia Britto, da JobLine do Brasil. Mas quais são os sinais que indicam que alguém é um líder nato? É isso que EXAME.com foi investigar os consultores de carreira.

Confira os aspectos apontados por eles e que, combinados, são a tradução do que é liderança:

(mais…)

Leia Mais

Veja 10 maneiras erradas de um gestor motivar sua equipe.

Para especialistas, gestores esquecem que os profissionais se motivam de formas diferentes, o que pode gerar efeito contrário.

O que toda empresa quer é profissionais motivados, animados e interessados em fazer seu melhor. Para isso, porém, é preciso saber estimular esse comportamento, oferecendo promoções, novos desafios e mais autonomia, por exemplo. O problema é que nem todo gestor sabe que, muitas vezes, ao invés de estar motivando ele pode estar desmotivando seus funcionários.

Pensando nisso, elaboramos uma lista com 10 maneiras erradas de motivar os funcionários. Contamos, para isso, com a ajuda de especialistas em gestão de carreira e motivação. Confira:

  1. Os profissionais são únicos – “não existe motivação em massa”, explica o especialista em motivação, Roberto Recinella. Uma das maneiras erradas de motivar os profissionais é acreditar que o que motiva um motiva todos. Os líderes que não conhecem cada um dos membros de suas equipes podem cometer esse erro.
    Na prática, o gestor acredita que determinado elemento vai motivar um profissional, pois foi o mesmo elemento que já motivou um outro trabalhador. Mas, segundo Recinella, isso não funciona sempre. A sugestão é conhecer cada um dos membros da equipe, entendendo suas necessidades e interesses.

(mais…)

Leia Mais